Autor Tópico: Transito do HD189733b...parabéns ao Rui  (Lida 5011 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Fil

  • Moderador Global
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 2621
  • Karma: +5/-0
    • Ver Perfil
Re: Transito do HD189733b...parabéns ao Rui
« Responder #15 em: Julho 10, 2009, 05:20:55 pm »
Dizem as más línguas que quando se está a fazer mestrado (dos antigos) e se tem uma proposta aceite para usar um telescópio no Havai, é o orientador que lá vai em vez do aluno. Por isso, não me admiraria que, num curso onde se ensina algo muito mais profundo do que olhar por uma ocular, também nem sempre seja viável pôr toda a gente a passar pela prática toda..
Epá, isso de fazer um curso novo, é que não sei se realmente vale a pena... Mas que há muita coisa que se ensina num curso desses que eu também gostava de aprender, isso é verdade. Há questão de 1 mês quando fui obrigado a pensar melhor na minha vida, coloquei essa hipótese também. de ir para o Porto, fazer esse curso..  Não me ocorreu que poderia ter companhia.. Mas infelizmente comprometi-me a ficar onde estou por mais um ano..
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
Fil.
GOAAA

Offline Orion_PKFD

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1228
  • Karma: +1/-0
    • Ver Perfil
    • http://astro-andregoncalves.blogspot.com/
Re: Transito do HD189733b...parabéns ao Rui
« Responder #16 em: Julho 10, 2009, 07:53:00 pm »
Citação de: "paulobao"
Citação de: "xumaxer"
Como é possível fazer uma Licenciatura sem nunca ver as estrelas ao vivo???? :shock: :shock: :shock:

Exactamente :?
Será mesmo verdade? Será que só utilizam imagens/dados obtidos pelos centros astronómicos profissionais e nunca chegam a por a mão num telescópio?

Paulo, nem sei se até para isso devem olhar. Os dois primeiros anos têm mais de metade de cadeira em comum com o meu curso (Física, na UMinho), e eles quase não têm compenente prática, nem fazem coisas desse tipo. Pelo menos na licenciatura. Talvez no mestrado façam, e mesmo assim tenho as minhas dúvidas. Só devem fazer o que for preciso para a tese e, se precisarem de fazer alguma coisa depois, têm os conhecimentos (teóricos) para tal.

Mas não posso afirmar com certeza porque não estou lá, mas foi o feedback com que fiquei quando andei a ver isso.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »

Re: Transito do HD189733b...parabéns ao Rui
« Responder #16 em: Julho 10, 2009, 07:53:00 pm »

Offline paulobao

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Amador
  • *****
  • Mensagens: 530
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
Re: Transito do HD189733b...parabéns ao Rui
« Responder #17 em: Julho 10, 2009, 08:22:37 pm »
Logo se vê...se for por falta de verba (sim que isto agora passou a Fundação e ainda ninguém sabe como é que as coisas vão "correr". Só para terem uma ideia, vou ao tal Congresso na Dinamarca onde farei 2 apresentações de trabalho experimental realizado no Serviço de Tecnologia Farmacêutica/Fac. Farmácia /Fundação da UP com tudo pago....do meu bolso e isto porque, agora somos uma Fundação e o cacahuette está congelado algures!) nós levamos o material de casa  :lol:  :lol:.
Agora falando seriamente, penso que nenhum astrofísico/astrónomo moderno necessita sequer tocar num telescópio para ser um excelente profissional. Os observatórios profissionais têm técnicos especializados em todas as áreas que envolvem o hardware e que,  certamente tratam disso. Cabe aos astrónomo a elaboraração/planeamento do projecto e a consequente recolha dos dados e sua posterior interpretação. E essa é a parte mais difícil. (é evidente que estou a falar às cegas porque esta não é a minha área de estudo!)

Abc,

paulobao
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »

Offline Orion_PKFD

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1228
  • Karma: +1/-0
    • Ver Perfil
    • http://astro-andregoncalves.blogspot.com/
Re: Transito do HD189733b...parabéns ao Rui
« Responder #18 em: Julho 10, 2009, 09:40:40 pm »
Citação de: "paulobao"
Agora falando seriamente, penso que nenhum astrofísico/astrónomo moderno necessita sequer tocar num telescópio para ser um excelente profissional. Os observatórios profissionais têm técnicos especializados em todas as áreas que envolvem o hardware e que, certamente tratam disso. Cabe aos astrónomo a elaboraração/planeamento do projecto e a consequente recolha dos dados e sua posterior interpretação. E essa é a parte mais difícil. (é evidente que estou a falar às cegas porque esta não é a minha área de estudo!)

Pois, era isso a que me estava a referir. Mas eles tamb+em não se podem queixar porque o CAUP organiza todos os meses pelo menos uma obervação, penso eu.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »

Re: Transito do HD189733b...parabéns ao Rui
« Responder #18 em: Julho 10, 2009, 09:40:40 pm »