Autor Tópico: Determinação de magnitude limite  (Lida 2459 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Miguel Lopes

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1810
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
Determinação de magnitude limite
« em: Maio 13, 2007, 10:32:30 pm »
Quando se fala de determinação da magnitude visual limite de um local, que parâmetros devemos ter em conta?
- devemos já estar adaptados à visão nocturna?
- visão lateral conta?

Acabei de olhar lá para fora e com 1 minuto de adaptação vi com visão lateral uma estrela de 4.3. Claro que acabou de cair uma chuvada, normalmente não é tão bom.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Miguel Lopes »
"a astrologia é a ciência dos ignorantes, a astronomia é a dos que se sentem ignorantes" - Miguel Lopes

Offline Fil

  • Moderador Global
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 2621
  • Karma: +5/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #1 em: Maio 14, 2007, 01:57:08 am »
Sem te responder à pergunta original deixa-me que te diga que das alturas mais estáveis de de céu mais limpo que já tive foram a seguir a chuvadas relâmpago, em que as nuvens são bem densas e definidas. Mal as nuvens desaparecem deixam um céu excelente.. Em geral, se a chuvada for mais longa, e acontecer ao fim da tarde início da noite, passado um bocado de céu bom levanta-se nevoeiro e estraga o resto da noite.. :P Ai S. Pedro, S. Pedro!...
Aqui às 19:30 +/- também caiu uma chuva deste tipo.. às 21:30 já não havia uma nuvem no céu, e pelo que consegui ver de estrelas a olho nu, pareceu-me um céu bem estável! Acho que as estrelas para que olhei eram a Arcturus (mag 0) e a Izar (mag 2.7) do Boieiro (Bootes), e não as vi cintilar
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Fil »
Fil.
GOAAA

(sem assunto)
« Responder #1 em: Maio 14, 2007, 01:57:08 am »

Offline joao marum

  • Astro-Principiante
  • ***
  • Mensagens: 388
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #2 em: Maio 17, 2007, 11:01:50 pm »
Basicamente é a determinação da estrela mais ténue que conseguimos ver, de preferência na zona do zénite. Devemos estar o mais adaptados possivel ao escuro e a visão lateral também conta sim.
A magnitude limite varia muito consoante as condições atmosféricas e consoante os olhos e a experiencia de cada observador.
Tens aqui um link com variadas cartas que permitem avaliar a magnitude limite:
http://obs.nineplanets.org/lm/rjm.html
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por joao marum »
------------------
João Marum
GOAAA

Offline AJC

  • Moderador Global
  • Astro-Curioso
  • *****
  • Mensagens: 144
  • Karma: +0/-0
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
    • Astronomia e Música
Estrelas Coloridas
« Responder #3 em: Maio 21, 2007, 04:13:08 am »
Além de se observar no zenite temos mais sensibilidade para estrelas brancas/amarelas, ou seja, a magnitude limite será mais alta para estrelas do tipo A5 a F5. Para estrelas vermelhas ou azuis a coisa já fica bem mais difícil.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por AJC »
AstroSaudações,
http://astronomiaemusica.no.comunidades.net/index.php?pagina=1980008586
Três Marias - Minas Gerais - Brasil
AJC - pesquisador da AAVSO 100 ANOS - 1911 / 2011

Estrelas Coloridas
« Responder #3 em: Maio 21, 2007, 04:13:08 am »