Autor Tópico: Novos estudos descartam possibilidade de vida em Marte.  (Lida 1001 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline PauloSantos

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1541
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
Novos estudos descartam possibilidade de vida em Marte.
« em: Agosto 02, 2006, 09:12:44 pm »
As tempestades de pó que assolam Marte geram químicas corrosivas que caem sobre a sua superfície em forma de neve e tornariam impossível a existência de vida no planeta, afirmam dois estudos publicados hoje pela revista "Astrobiology".

O maior componente dessa neve seria o peróxido de hidrogénio, uma combinação química letal para qualquer tipo de vida, segundo afirmam.

Sobre uma base de estudos na Terra, com experiências e modelos teóricos, os cientistas afirmam que a electricidade estática gerada pelas nuvens de pó que obscurecem o planeta durante meses seria o factor que produz substâncias químicas oxidantes.

Segundo Gregory Delory, físico da Universidade da Califórnia, o peróxido acumulado há um bilião de anos, quando Marte supostamente era um planeta seco e poeirento, chegaria a um nível que mataria qualquer tipo de vida "como conhecemos aqui na Terra".

"Em geral, a intensa exposição a raios ultravioleta, as baixas temperaturas, a falta de água e os oxidantes do solo tornariam muito difícil a sobrevivência de qualquer tipo de micróbio" em Marte, afirmou o cientista.

O outro estudo, que também teve a participação de Delory, demonstra que os oxidantes poderiam se formar e se concentrar de forma tão densa que chegariam à superfície como neve altamente contaminante.

Segundo Sushil Atreya, do Departamento de Ciências Atmosféricas, Oceanicas e do Espaço da Universidade de Michigan, esses superoxidantes não apenas destruiriam qualquer tipo de material orgânico como também acelerariam a difusão do metano na atmosfera.

A Nasa iniciou os preparativos para o envio de missões tripuladas a Marte nas próximas décadas.

Nos últimos meses foram intensificados os estudos para determinar se existe algum ambiente em Marte que permita a permanência ao menos temporária do homem na sua superfície.

"Estamos a estudar as características que fazem com que um planeta seja habitável ou inabitável, se houve algum tipo de vida ou se a podemos levar da Terra", afirmou.

Fonte: Agência EFE in Yahoo News
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por PauloSantos »
Paços de Brandão/Stª Mª Feira

Latitude 40º 58\' 01"
Longitude -8º 34\' 59"
Altura 138m

Offline PauloSantos

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1541
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
(sem assunto)
« Responder #1 em: Agosto 03, 2006, 04:24:30 pm »
Tecendo um comentário sobre esta noticia, na minha opinião, acho q ainda não se pode chegar a uma conclusão definitiva qt à possibilidade de existir ou não vida em Marte. Já foi provado q a vida adapta-se facilmente conforme as condições. Qui ça, no passado, qd este planeta continha água na superfície, não existisse vida em forma de bactéria e com o tempo, com essas tempestades violentas q arrastam o tão letal peróxido de carbono, essas bactérias não tenham "emigrado" p o interior do planeta e sobrevivido até hoje? É uma questão q fica ainda no ar e penso q só qd o homem pisar a superfície é q poderá trazer novos desenvolvimentos.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por PauloSantos »
Paços de Brandão/Stª Mª Feira

Latitude 40º 58\' 01"
Longitude -8º 34\' 59"
Altura 138m