Autor Tópico: Idade do Gelo  (Lida 1132 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline TiG

  • Astro-Curioso
  • **
  • Mensagens: 111
  • Karma: +0/-1
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
Idade do Gelo
« em: Março 12, 2010, 03:41:43 pm »
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »

Offline JDias

  • Astro-Curioso
  • **
  • Mensagens: 93
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
Re: Idade do Gelo
« Responder #1 em: Março 12, 2010, 04:13:59 pm »
“A atmosfera está a arrefecer gradualmente e há tempo que não existem dúvidas de que estamos a caminho de uma nova era glacial”

É no mínimo surpreendente, sempre pensei que os registos indicassem que a temperatura estivesse a subir e não o contrário... :)
Relativamente à Idade do Gelo, não surpreende, pois é um acontecimento cíclico...
Será que a humanidade (se ainda existir na altura), irá sobreviver? :)
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »

Offline nunomac

  • Astro-Principiante
  • ***
  • Mensagens: 439
  • Karma: +1/-0
    • Ver Perfil
    • http://nmac.apaaweb.com
Re: Idade do Gelo
« Responder #2 em: Março 12, 2010, 05:42:21 pm »
Essa questão foi auto-respondida, de facto é um ciclo e se nós cá estamos
hoje é porque de certeza alguém sobreviveu  :-D

Resta saber é se o ciclo terá as mesmas condições climatéricas do(s) ciclo(s) anterior(es) e se
realmente como afirmou, haverá alguém para sobreviver dadas as tendências auto-destrutivas do Homem.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
Cumprimentos,
Nuno Carregueira (aka nMAC)
-----------------------------------
http://nmac.apaaweb.com

Offline mafioso

  • Mensagens: 21
  • Karma: +0/-0
  • Sexo: Masculino
  • autêntico noob...
    • Ver Perfil
Re: Idade do Gelo
« Responder #3 em: Maio 20, 2010, 04:21:51 pm »
boas,

depois de ver vários programas, a teoria dominante parece ser a seguinte:

com o aquecimento global e libertação excessiva de dióxido de carbono pela actividade humana, o chamado efeito de estufa é resultado dos raios solares entrarem na terra mas não sairem com tanto dióxido de carbono na atmosfera, o que provoca o aquecimento e futuro descongelamento dos polos. com isto, não é só a temperatura da atmosfera que aumenta, mas também a temperatura das águas do mar.
com a tempertatura dos mares a subir, formam-se as condições para se libertar o gás metano presente no fundo dos oceanos, que elevar-se-á e aumentará ainda mais a temperatura no nosso planeta. Nessa altura, a nossa atmosfera terá uma cor avermelhada devido a esse gás.
Contudo, e no longo prazo, o metano é também um gás que filtra e não deixa passar os raios solares, pelo que gradualmente a temperatura do planeta, ao não conseguir receber os raios solares, vai diminuir até entrarmos numa nova idade do gelo


os mais sábios nesta matéria deixem aqui as vossas opiniões e corrijam-me se disse algum disparate!

cumprimentos
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »

Offline Miguel Lopes

  • Grupo Galáctico
  • Astro-Avançado
  • *****
  • Mensagens: 1810
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
Re: Idade do Gelo
« Responder #4 em: Maio 20, 2010, 05:15:44 pm »
O aquecimento global pode não se traduzir num "aquecimento". Ao aumentar a temperatura, aumentam também os ventos e as correntes oceanicas, que por sua vez convertem o calor em energia mecânica... Além disso asseguram uma melhor distribuição do aumento do calor, portanto os pólos até podem ficar mais quentes mas o resto pode ficar à mesma temperatura...
Eu chamo-lhe alterações climáticas. O que temos tido são mais tempestades, calor, frio.

O artigo parece-me mal escrito, até porque faz referencia ao clima há 260M anos, o que é estúpido porque na altura a terra rodava mais depressa e isso influenciava a temperatura média porque reduzia o período nocturno.

No geral acho que ninguem consegue prever o aumento/baixar de temperatura. O que é certo são as mudanças climáticas.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
"a astrologia é a ciência dos ignorantes, a astronomia é a dos que se sentem ignorantes" - Miguel Lopes