Autor Tópico: OCULARES - comparativo  (Lida 1858 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline AJC

  • Moderador Global
  • Astro-Curioso
  • *****
  • Mensagens: 144
  • Karma: +0/-0
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
    • Astronomia e Música
OCULARES - comparativo
« em: Janeiro 04, 2010, 07:07:42 pm »
Tive Acesso a um conjunto de oculares e que ao longo de 2010 farei comparações de desempenho. São 06 Naglers Televue (incluindo a poderosa 31mm), algumas Orion Expanse e Plossl, Kokhusai e Plossl SkyWatcher. Aguardem!!!
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
AstroSaudações,
http://astronomiaemusica.no.comunidades.net/index.php?pagina=1980008586
Três Marias - Minas Gerais - Brasil
AJC - pesquisador da AAVSO 100 ANOS - 1911 / 2011

Offline nunomac

  • Astro-Principiante
  • ***
  • Mensagens: 439
  • Karma: +1/-0
    • Ver Perfil
    • http://nmac.apaaweb.com
Re: OCULARES - comparativo
« Responder #1 em: Janeiro 04, 2010, 07:21:32 pm »
Ehh lá reviewing spree.. nice  :-D  Força nisso.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
Cumprimentos,
Nuno Carregueira (aka nMAC)
-----------------------------------
http://nmac.apaaweb.com

Offline AJC

  • Moderador Global
  • Astro-Curioso
  • *****
  • Mensagens: 144
  • Karma: +0/-0
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
    • Astronomia e Música
ORION x TELEVUE
« Responder #2 em: Janeiro 31, 2010, 10:45:19 pm »
COMPARATIVO ENTRE OCULARES ORION E TELE VUE

Oculares Orion Expanse 6, 9, 15 e 20mm;
Oculares Tele vue Nagler 3.5, 5, 9, 17 e 31mm;
Barlow 2X Apo Ultima Celestron;
Telescópio refrator 120 APO F/7.5 Orion;
Observações em cidade com poluição luminosa em 19/01/2010;
Equipamentos gentilmente cedidos pelo Observatório Vaz Tolentino - MG

Magnitude Limite
Foram observados os aglomerados abertos NGC 1981 em Orion, M44 em Cancer e IC 2391 na Vela. Na constelação de Orion fora constatada uma magnitude máxima de 12.63 com a Tele vue e 12.13 com a Orion. Meia magnitude a mais para a Tele vue, diferença equivalente a uma abertura e 60mm pra 80mm. É muita coisa. Em Câncer a Orion foi até 11.97 e na Vela chegou-se a 12.34. Havia uma estrela de magnitude 12.44 que não pode ser vista com a Orion. A diferença alcançou 0,3 magnitudes. Ponto pra Tele vue: 1X0;

Céu profundo
Fora observada a nebulosa M42 em Orion e a galáxia M104 no Corvo. A ocular da Tele vue apresentou aquilo que a própria fabricante chama de “exquisite shapeness” ou seja, um contraste surpreendente que define mais as partes claras das partes escuras. Ponto pra Tele vue: 2X0;

Campo
Com um campo da ocular de 82 graus contra 66 graus da Orion, os números falam por si. Ponto pra Tele vue: 3X0;

Preço
Custando 10 vezes menos a Orion venceu esse quesito: 3X1;

Observação Lunar e planetária (Marte e Saturno)
A ocular Tele vue apresentou mais contraste definindo mais as cores e formas e ainda contribuiu para reduzir a aberração cromática em um refrator F/5 fazendo com que se tivesse uma imagem como se tal refrator fosse F/11. Ponto pra Tele vue: 4X1;

CONCLUSÃO
A superioridade das oculares da Tele Vue contra as da Orion foram bastante significativas. Ao se trocar as oculares as diferenças logo se faziam notar. Ao se observar Saturno em um 120 F/5 acromático com a Tele Vue e ver uma imagem SEM aberração cromática, pode-se perceber até onde podemos ir com uma ocular dessas.Todos os rasgados elogios que se fez até então para a Tele vue ainda são poucos diante da excelência em óptica que se pode ver nelas. Observar através de uma Nagler Tele Vue de 31mm de 82 graus, por exemplo, é viajar pelo espaço. Espetacular.
« Última modificação: Fevereiro 07, 2010, 08:24:23 pm por AJC »
AstroSaudações,
http://astronomiaemusica.no.comunidades.net/index.php?pagina=1980008586
Três Marias - Minas Gerais - Brasil
AJC - pesquisador da AAVSO 100 ANOS - 1911 / 2011

Offline AJC

  • Moderador Global
  • Astro-Curioso
  • *****
  • Mensagens: 144
  • Karma: +0/-0
  • Sexo: Masculino
    • Ver Perfil
    • Astronomia e Música
Re: OCULARES - comparativo
« Responder #3 em: Fevereiro 07, 2010, 08:18:04 pm »
COMPARATIVO DE OCULARES PARA OBSERVAÇÃO DE MARTE
FEVEREIRO – 2010;
FOCO MÁXIMO DE 6MM;
TELESCÓPIO ORION 120 APO F / 7.5;
Equipamentos gentilmente cedidos pelo Observatório Vaz Tolentino - MG;

OCULAR / ANÁLISE

2,3 mm;
Celestron X-CEL 55graus / Imagem perfeita e sem distorções nas bordas. Excelente contraste. 391X;

2,5 mm;
Tele Vue Nagler 82graus / Imagem perfeita e sem distorções nas bordas. Excelente contraste. 360X;

3 mm;
Smart Astronomy 3mm / Imagem perfeita e sem distorções nas bordas. Contraste médio. 300X;

3,5 mm;
Tele Vue Nagler 82graus / Imagem perfeita e sem distorções nas bordas. Excelente contraste. 257X;

4 mm;
GSO Super Plossl 52graus / Imagem perfeita apenas no centro da ocular. Apresenta desconfortável distorção nas bordas. Contraste médio. 225X;

5 mm;
Tele Vue Nagler 82graus / Imagem perfeita e sem distorções nas bordas. Excelente contraste. 180X;

Celestron X-Cel 55graus / Imagem perfeita apenas no centro da ocular com perda de qualidade nas bordas. Excelente contraste. 180X;

6 mm;
Orion Expanse 66graus / Imagem perfeita e sem distorções nas bordas. Contraste médio. 150X;

Kokusai / Imagem perfeita e sem distorções nas bordas. Excelente contraste. 150X;

Smart Astronomy / Imagem perfeita e sem distorções nas bordas. Contraste baixo. 150X;


CONCLUSÃO

As únicas oculares que alcançaram um desempenho próximo ao das Tele Vue foram: Celestron X-Cel de 2.3mm e a Kokusai de 6mm, apesar de ambas terem um campo de visão bem menor que as Tele Vue.

TELE VUE 2.5mm X TELE VUE 5mm com Barlow APO 2X Celestron Ultima;

Deu empate. Imagens sem distorção nas bordas, contrastes e campos idênticos. Isso reforça a idéia que a lente de Barlow não prejudica a imagem para observação planetária. Demonstra, também, a ótima qualidade da Barlow Celestron que não prejudicou a óptica Tele Vue.
« Última modificação: Janeiro 01, 1970, 01:00:00 am por Guest »
AstroSaudações,
http://astronomiaemusica.no.comunidades.net/index.php?pagina=1980008586
Três Marias - Minas Gerais - Brasil
AJC - pesquisador da AAVSO 100 ANOS - 1911 / 2011